• Geraldo Leite

UM REI TEIMOSO

Cristóvão Colombo tentou convencer D. João II afirmando que chegaria na Índia navegando sempre em frente, pelo Atlântico. Versado na ciência náutica, o soberano português não acreditou no projeto.

Passaram-se poucos anos e em 6 de março de 1493, Colombo entrou na barra do Rio Tejo e se dirigiu às pressas para palácio real a fim de anunciar ao monarca que seu projeto fora coroado de êxito.

---- Majestade, disse ele, navegando sempre em frente cheguei, no dia 12 de outubro último, em Cipango, ou melhor,

no Japão de Marco Polo.

Disse com tanta empáfia e arrogância que os fidalgos o advertiram, ameaçando expulsa-lo do palácio.

Para convencer o rei Colombo levou consigo pepitas de ouro, peças de artesanato e um ou dois homens de Cipango.

D. João, depois de acalmar os fidalgos, pronunciou apenas uma frase, dizendo:

----- Almirante, estes homens não parecem indianos...

A cisma continuou durante muito tempo. Para Dom João, Colombo não havia chegado na Índia. Colombo estava equivocado.

O almirante saiu do encontro impressionado com a teimosia do soberano português que, depois de tantos argumentos, teimava em contradize-lo.

Para evitar o ridículo, Colombo espalhou uma carta datada de Lisboa, divulgando a descoberta.

Todos acreditaram na nova rota para as "Índias". A única exceção foi Dom João II que continuava afirmando que Cristóvão Colombo cometeu um erro.

Onze anos depois Américo Vespúcio provou que om. João II estava com a razão: a terra descoberta não era a Índia. Era um Novo Mundo, que passou a ser chamado América.

D. João morreu pouco depois da visita de Colombo. Morreu sem saber que estava com a razão...

Posts recentes

Ver tudo

Na década de 1860, o exército brasileiro não possuía o efetivo necessário para enfrentar o Paraguai. A solução foi abrir o voluntariado para homens em idade militar. Criou-se o Corpo de Voluntários da

No final do século XVII e começo do século XVIII ocorreu o que costumamos chamar Epopeia Brasileira. O Brasil deu as costas ao litoral e se voltou para o interior. Bahia e Pernambuco deixaram de ser a